Kebabeando

junho 15, 2008

Quando se fala em lanche barato na Europa, a pedida é o kebab, sanduíche de origem turca feito com fatias de carne de cordeiro assadas em camadas em um espeto vertical, parecido (só no visual) com o espeto do ‘churrasquinho grego’ do centro de São Paulo. O recheio pode ser de cordeiro, falafel, kafta, frango, carne bovina etc., tomate, alface, cebola e molho tahine, ou picles, cebolinha e hortelã, dependendo da criatividade do lugar.

Já falamos do kebab de Londres, ano passado, aqui no Braun Café, mas agora não é preciso ir tão longe. Em pouco mais de um ano, a capital paulista já aderiu às kebaberias.

Quem sai do cinema perto da Rua Augusta, ou está perambulando pela região, por exemplo, encontra duas opções. Minha dica é o Kebabel, um misto de kebaberia e bar onde estive duas vezes provando ótimos kekabs de kafta e de cordeiro (folhas de hortelã dão um toque especial).

O preço dos kebabs (10 a 13 reais) é convidativo assim como o ambiente charmoso (repare no lustre de cristal com talheres pendurados e nos quadrinhos de Adão e Eva de Goya no banheiro todo forrado com um vibrante papel de parede).

O lugar tem poucas mesas e um pequeno balcão, mas por volta das 20h do sábado e à meia noite de uma sexta-feira consegui me sentar para tomar uma Original gelada, comer um kebab e experimentar uma cerveja mineira. Entre variações importadas, além das argentinas e alemãs – cervejas da Grécia, Austrália e Turquia, por exemplo – a Backer, produzida na terra da cachaça, foi uma refrescante surpresa (experimente a de trigo).

Além dos tradicionais sandubas você pode apostar nas porções do Kebabel. O homus com pão sírio (metade torrado e metade ao natural) estava no ponto. Ainda há opções de falafel e couve-flor à milanesa (!) para os botequeiros vegetarianos.

Também consegui finalmente conhecer o Kebab Salonu, na Rua Augusta, mas o kebab ficou aquém da expectativa. O sanduba é maior e mais caro (18 reais o de kafta) do que o do vizinho, mas o recheio é mais farto só na salada. Além disso, a kafta estava pouco saborosa e pra lá de bem passada. Uma pena. Para consolar, meu mate batido com tangerina estava gostoso e ainda não provei o café turco.

Ronaldo, fã das kebaberias, teve mais sorte com a porção de falafel quando esteve no Salonu. Ele também indicou o Pita – Kebab Bar, em Pinheiros, como a próxima parada para kebabear, em São Paulo.

Kebabel – Rua Fernando Albuquerque, 22, Consolação. Tel: (11) 3259-1805

Pita – Kebab Bar – Rua Francisco Leitão, 282, Pinheitros. Tel: (11) 3368-2856

KebAbbey Road

julho 17, 2007

kebab.jpg

O tradicional sanduíche de origem turca, que aqui chamamos de ‘churrasquinho grego’, está em todos os lugares na Europa. Ao contrário daquele que vem com suco grátis, no centro de São Paulo, o kebab de lá é gostoso e, o melhor, barato. Em Paris, segundo o toast do Alê, fritas acompanham.

Em uma bela tarde de ressaca, antes de atravessarmos a Abbey Road com chapéus de nozes de papelão na cabeça – homenagem ao vídeo “As árveres somos nozes” -, Rafa Gobara nos levou para comer kebab em seu bairro, Chiswick.

kebab3.jpgA pequena e ajeitadinha lanchonete oferecia desde o tradicional kebab do ‘rolo de carne’, a versões de kafta e frango. As carnes são feitas na chapa e vêm quentinhas dentro do pão sírio com salada de repolho, tomate, picles e até chilli se você aguentar.

A Rafa, que já tem o paladar e o estômago adaptados, mandou ver no chilli. Nós… bom… nós mandamos ver no refrigerante porque ‘spicy’ era pouco para explicar o quão apimentado estava aquele delicioso sanduba de kafta. “Kebab? Então toma!” comentei.

Dizem que pimenta faz bem à saúde. Os indianos devem acreditar que ajuda a elevar o espírito. Não sei se os turcos piram na pimenta, mas em Londres, onde a culinária não é das melhores, pimenta é sabor.

Felizmente, aqui em São Paulo, já é possível provar um tradicional kebab turco. Outro dia estava andando na Rua Augusta e encontrei o Kebab Salonu. Ainda não provei, mas o lugar e o site causaram boa impressão. Ótima notícia para quem vai fazer uma boquinha ou tomar o café turco para elevar o espírito depois do cinema.

Kebab Salonu – Rua Augusta, 1416, Consolação – São Paulo. Tel.: (11) 3283-0890

%d blogueiros gostam disto: