O segredo do Seu Oswaldo

março 23, 2008

oswaldolanches.jpg

O Seu Oswaldo, inventor do venerado cheese salada com molho de tomates, no lugar dos tradicionais tomates crus, faleceu no final de janeiro. Sua criação, felizmente, continua viva e fazendo a alegria de muita gente que não se importa em pegar fila, especialmente aos sábados, para saborear um sanduba em pé ou em um dos 15 lugares no balcão.

O segredo do tal molho de tomates, que se mistura perfeitamente à maionese a cada mordida, já não é exclusividade da pequena lanchonete da Rua Bom Pastor, no bairro Ipiranga.

Chapeiro vai, chapeiro vem e a concorrência da região acabou descobrindo, ou pelo menos tentanto imitar, a fórmula do Seu Oswaldo.

Renata Bitar, que é do bairro e sempre foi fã do Oswaldo Hamburgueres, diz que já experimentou e aprovou os ‘covers’ da lanchonete Kaskata´s e do bar Gandaia. Outra amiga que mora na região, a Celi, diz que o Kaskata´s tem a vantagem de ficar aberto até as cinco da manhã às sextas e sábados, o que garante o sanduba pós-balada.

Já o Gandaia, cujo chapeiro parece ter vindo do Kaskata´s, aposta na promoção para atrair os fãs do cheese salada com molho. “Você pede dois lanches e ainda tem desconto nas fritas”, lembra Bitar. “A boa pedida é o cheese salada caprichado na maionese, que eles fazem muito bem”, ela recomenda.

Seu Oswaldo deixou seu lugar atrás do balcão, mas pode ter a certeza de que sua idéia vai acabar virando referência. Não se espante se, além do ‘Bauru’, a lanchonete da sua esquina começar a oferecer o ‘Cheese Oswaldo’, no cardápio.

Oswaldo Hamburgueres – Rua Bom Pastor, 1659 – Ipiranga.

Kaskata´s Lanches – Rua Silva Bueno, 1641, Ipiranga – São Paulo. Tels: (11) 6591-3355/2272-0203. Domingo a quarta até 2h. Sextas e sábados até 5h.

Gandaias Bar – Rua Costa Aguiar, esquina com a Rua Lord Crockane, Ipiranga – São Paulo.

Bauru ao Ponto Chic com muito queijo 'três em um' tem desconto no aniversário de 90 anos da casa (até o fim de abril)

O clássico Ponto Chic completou 90 anos, no dia 24 de março, com direito a um livro que mistura as histórias do ‘bar do bauru’ às da cidade de São Paulo. Mas gostoso mesmo é resgatar o sabor do sanduba de rosbife, tomate, pepino em conserva e uma mistura generosa de queijos fundidos no pão francês. Para comemorar o aniversário, o Bauru ao Ponto Chic está em promoção (de R$ 17,90 por R$ 15), pelo menos até o fim de abril. Continue lendo »

Uma garfada após a outra

outubro 14, 2008

Uma lista de 100 comidas de diversas partes do mundo para você experimentar nesta vida. Quando o Felitti me passou a seleção feita pelo Food Proof meu ‘Guloogle’ entrou em ação. Já fui logo ticando mentalmente algumas comidas. Bom, o foie gras já foi, o King Crab e o clam chowder também e pelo menos uma versão ‘cover’ do kobe beef está registrada neste blog.

Faltam as trufas… ah… uma massa com trufas ainda preciso provar, assim como um churrasco coreano, uma lagosta ao termidor, que a Dani e o Vinícius comeram no Alfama dos Marinheiros, o suflê de queijo do Marcel, um purê de tucupi, que a sortuda da Cecília provou no PF do D.O.M, o bife de fígado acebolado da mãe do Fábio Almeida, a bacalhoada da Irene, mãe da Karina, e por aí vai…

O blogueiro não deixou de lado a polenta, o arroz e o feijão. Mas e a feijoada, o tutu, o pastel de camarão do Giba, a coxinha do Veloso, o mini acarajé do Soteropolitano, o pernil do Estadão, o guiozão da feira da Liberdade, o refogado de palma da mãe da Cecília, o sanduba de falafel do Bom Retiro, o bolinho de bacalhau (com chope) do Leo, o hamburguer do Seu Oswaldo, o picadinho do Astor, a língua do Bar do Careca, a carne seca na manteiga de garrafa, com purê de abóbora e feijão de corda, que faz tempo que não faço? Socorro!

Eu ficaria horas fazendo uma lista. Só de Brasil já podemos dobrar o desafio! Ok… sem desespero. Vamos viver… uma garfada após a outra.

Foto-trocadilho: “Scream for Ice Cream” do blog de Steve D. Krause.

Hambúrguer no Balcão

julho 16, 2008


Nada como comer um bom cheese salada no balcão, sem frescuras e direto ao que interessa. Melhor ainda em frente ao chapeiro do Seu Oswaldo, do Joakins ou do Oregon. Mas quando me chamaram para ir ao Bar Balcão, não pensei em hambúrguer. Logo me lembrei do imenso balcão que serpenteia todo o salão do bar e convida o paulistano a se socializar após alguns chopes.

Desta vez, com os amigos Calenda e Ana Luiza, fiquei no mezanino, apreciando a serpente de madeira lá de cima, e o assunto não era o chope Brahma (leve e gostoso, mas não dos melhores de SP) e sim os sanduíches do Balcão.

Quando cheguei, eles já estavam acomodados com seus chopes em frente a uma convidativa porção de fritas (bem sequinhas e macias). A pedida era o hambúrguer com molho de gorgonzola, mas a curiosidade me levou a espiar o cardápio. A dúvida me abriu o apetite. Até o vegetariano com chutney de manga me passou pela cabeça.


Segui a recomendação inicial e o ‘cheese salada’ de gorgonzola superou minha expectativa. Diria que está pau a pau com o Drop Kick, servido no Clube Belfiori, embora a parece de carne do burguer do CB seja inigualável.

A versão do Balcão vem aberta no prato, com tomate e uma saladinha verde, que não serviu só de enfeite. A carne estava no ponto e o molho também. Ótima pedida. Difícil vai ser não repetir a escolha. Pra variar, peço o hambúrguer de gorgonzola do Balcão no balcão mesmo.

Bar Balcão – Rua Doutor Melo Alves, 150, Jardim Paulista. Tel: (11) 3063-6091.
Funcionamento: Segunda a sábado, das 18h às 2h. Domingo até 1h.

Tomates maduros cozidos

novembro 21, 2006

oswaldolanches300.jpg

Com tantas lanchonetes boas em São Paulo, achei que já havia comido os melhores cheese saladas da cidade. Tudo mudou em uma tarde nublada das férias de agosto, quando os queridos amigos Renata e Henrique, me levaram para almoçar na lanchonete do Seu Oswaldo.

Há tempos eles falavam maravilhas daquela lanchonete na Rua Bom Pastor, que serve o cheese salada com hamburguer leve e bem temperado, queijo, alface e os segredos da casa há 40 anos: maionese caseira e, no lugar do tomate, um molho especial.

“O lugar tem fila. Chegue e já peça logo dois porque eles não são muito grandes”, aconselhou outra amiga Renata, a Bitar, moradora do Ipiranga. A fila não cheguei a conhecer [ainda], mas em pleno dia da semana, os 15 lugares no balcão da modesta lanchonete estavam praticamente ocupados.

Pedi os dois cheese saladas, uma Coca-Cola de garrafa e me senti uma menina no balcão de uma lanchonete do interior. Para completar o sabor de infância, eles servem laranjada. Nada de suco com sabor artificial de laranja. É uma boa laranjada mesmo.

Quando o primeiro sanduíche chegou fiquei contente em saber que logo teria outro igual. Na terceira mordida, o molho especial começou a se misturar à maionese caseira e ao hamburguer deixando o mistério daquele cheese salada ainda mais delicioso.

Meu palpite é que o molho é feito com tomates maduros levemente cozidos e batidos com um pouco de alho, cebola e sal. Já o Henrique acha que o segredo pode ser um pouco de pimentão ou até pedaços de goiaba. A solução é voltar e comer mais dois. Não vejo a hora de pegar a fila.

O simpático Oswaldo, descendente de portugueses e italianos, sabe disso. “Oswaldo Hamburgueres… com sabor especial desde 1966”, diz seu cartão.

Oswaldo hamburgueres: Rua Bom Pastor, 1659 – Ipiranga. Segunda a sábado das 12h às 22h. Fecha aos domingos e feriados, não tem telefone e não aceita cartões. Não desista.

%d blogueiros gostam disto: