Restaurant Week chega ao Porto Rubayat

setembro 3, 2009

IMG_3832-262x350
Quem espera sempre alcança… o Porto Rubayat. A primeira parada do Braun Café na Restaurant Week São Paulo (Edição Inverno 2009) levou uma hora e 15 minutos de espera pra uma mesa de oito pessoas no concorrido restaurante de frutos do mar da família Rubayat, que estreou na RWSP.

IMG_3833-350x262
Infelizmente perdemos uma reserva na segunda-feira, mas a turma decidida aportou no concorrido restaurante de frutos do mar na terça às 12h10, pegou o pager da mesa 20 e saiu de lá contente, às 15h. O período não é muito produtivo no horário comercial, mas a RWSP é uma boa causa (R$ 1 real por pessoa para a Ação Criança). O CBN Tecnologia rolou de lá mesmo, ao vivo, e rendeu até um papo sobre o restaurante com o Sardenberg.

IMG_3826-350x262
A fila, aliás, rendeu comentários no Twitter já que um grupo resolveu sacar um chocolate para enganar a fome (?) e um rapaz também tentou enganar a fila de espera oferecendo uma “gorjeta” à recepcionista, que foi devidamente recusada. Gorjeta, no Porto Rubayat, só para o manobrista, porque o restaurante faz a gentileza de não cobrar estacionamento – cortesia que, infelizmente, tornou-se raridade em São Paulo.

IMG_3824-262x350
O Porto estreou com tudo na quinzena que reúne 202 restaurantes paulistanos oferecendo menus com entrada, prato principal e sobremesa por R$ 27,50 no almoço e R$ 39,90 no jantar. A casa decidiu oferecer o buffet completo de saladas, pratos quentes e sobremesas.

IMG_3829-262x350
Para chegar ao preço promocional, a casa deu uma simplificada no buffet, que custa normalmente R$ 65 e conta com mais frutos do mar, mas não reduziu a variedade. Nas saladas, o champignon no azeite era incrível e o salmão defumado servido pelo próprio dono, Belarmino Iglesias Filho, estavam ótimo. Entre os quentes, quem chegou primeiro conseguiu garantir um lagostim da paella, mas me contentei com o arroz e as lulas, que estavam bem saborosos – destaque para o bacalhau a Gomes de Sá e para a pescada com molho de espinafre.

IMG_3819-350x262
O restaurante também não poupou na mesa de doces. Os figos, kiwis e melões que me desculpem, mas fui direto aos deliciosos brownies, na torta mil folhas, que estava ok, e no sensacional chocolate nêmesis – mousse com consistência de pudim, cara de goiabada cascão e gostinho de brigadeiro de colher.

IMG_3839-350x262
Pedimos um Nespresso para fechar o almoço, mas recomendo dispensar os R$ 6 do café se quiser economizar no fim das contas.  O preço salgadinho é muito justo por acompanhar uma bandeja de docinhos variados (trufas de chocolate branco, doce de leite, cookies, tirinhas de gengibre açucarado e crosta de amêndoas), mas após o buffet de doces, digamos que torna-se um ‘café excesso’.

IMG_3841-262x350
Dicas

  • No último sábado fiquei navegando pelos cardápios da Restaurant Week (veja aqui as dicas da primeira temporada da RWSP 2009) e vi algumas ‘gambiarras’. Sim, porque oferecer um menu promocional com penne a bolonhesa ou massa com porpetta é fácil (atenção Spazio Gastronômico e Ráscal). Assim até eu me candidato (rs).
  • Almoço ou jantar? Alguns restaurantes escolhem participar dos dois menus, mas veja se realmente vale a pena escolher o cardápio do jantar. No Capim Santo, por exemplo, o menu do jantar, que custa R$ 39,90 só se diferencia pela opção de bobó de camarão entre os pratos principais. Você pode pagar R$ 27,50 por um almoço tão bom quanto.
  • Fique ligado. São 200 opções de restaurantes. Aposte em um lugar novo, com um cardápio diferente e peça referências.
  • Se quiser economizar mesmo, cuidado com o vinho. Em muitos lugares somente a taça sai por R$ 16.  O couvert também pode pesar na conta.
  • Água não tem erro, mas dê uma olhada no preço. Segundo o Guia da Folha, alguns lugares cobram R$ 5,40 pela garrafinha.
  • Tente reservar e chegue pelo menos dez minutos antes da hora marcada. Muitas pessoas estão na fila esperando para pegar sua mesa, caso você se atrase.
  • Se não conseguir reservar, chegue às 12h30. Neste horário, quem não chegou na hora perde a mesa e o restaurante começa a chamar as pessoas por ordem de chegada. Outra opção, no meio da semana, é chegar mais tarde, às 14h30.
  • Verifique as formas de pagamento. O Porto Rubayat, por exemplo, só aceita cartões Visa. O ideal é sempre dar uma ligada antes de partir para sua ‘restaurant week’.

Olho no lance
A lista é enorme. Difícil dar todas as dicas, mas estou de olho no Antiquarius, outro estreante no evento que incluiu o Bacalhau a Antiquarius no menu de almoço (já me disseram que o pessoal do atendimento está assustado com tantos telefonemas).

Outro da minha lista é o Brasil a Gosto (o filé de porco com molho de jabuticabas do almoço promocional deixou meu paladar bem curioso). O Obá é também é uma boa pedida (estive por lá no ano passado e adorei o almoço) e o Marakutahi já vale pelo trocadilho e pelo cardápio bem sacado.

Voltarei ao AK Delicatessen, que já está reservado para o próximo sábado (vamos torcer). O AK é um dos bons exemplos de restaurantes que oferecem menus promocionais com criatividade. Este sim é o desafio do evento. O outro é prezar pelo bom atendimento, mesmo com a casa lotada, e sem fazer distinções a quem veio pela promoção, como infelizmente ocorreu no ano passado. No Porto Rubayat, sem contar a simpatia do Belarmino, todos nos atenderam muito bem. É assim que se conquista um cliente.

Restaurante Porto Rubayat – Rua Leopoldo Coulto de Magalhães Jr., 1142 – Itaim Bibi. Tel.: (11) 3077-1111.

Anúncios

6 Responses to “Restaurant Week chega ao Porto Rubayat”

  1. Redneck Says:

    Dani, acabei de ler na Folha sobre alguns ‘desvios’ praticados por alguns dos restaurantes mais caros que acabaram de entrar na SPRW. Vou escrever um post sobre isso. Esse tipo de restaurante quer apenas faturar com o evento e não se preocupa nem um pouco com a qualidade. Quando deveria ser exatamente o oposto: aproveitar a SPRW para se fazer notar porque, provavelmente, as pessoas voltariam depois do evento. Quanto ao Antiquarius, li que as reservas já estão lotadas até o final do evento (!?). E o Marakuthai vale muito a pena! Beijo!

    Curtir

  2. Cris Sato Says:

    Oi Dani,

    fui ao Porto hoje no almoço e não tive a mesma sorte que vc, as coisas não foram bem.

    Havia uma pequena confusão na porta para organizar a entrada dos clientes, uma disputa entre quem tinha reserva e os que aguardavam na fila de espera. Pelo esquema adotado pela casa, entrava 1 reserva e 1 espera, alternadamente. O problema é que com isso, os horários das reservas acabaram não sendo respeitados. Muita gente ficou insatisfeita e, infelizmente, alguns foram bastante rudes com os recepcionistas.

    Dani, eu não tive a mesma boa impressão da casa que vc teve, achei a comida bem normal (talvez porque o buffet estivesse simplificado – sem lagostim na paella, sem salmão e nem sinal do bacalhau), mas além disso, o serviço estava ruim, nosso garçom por exemplo estava numa má vontade… Meu pai pediu para ver a carta de vinhos e o garçom trouxe quando meu pai estava na sobremesa. Tá, ele pode ter acordado em um dia ruim, mas não foi o único a atender mal, uma pena.

    No quesito sobremesa, a torta mil-folhas estava ok, mas o brownie estava super duro e seco. E ainda erraram feio na nossa conta.

    Eu acho que a casa não se preparou tão bem para receber tanta gente para o RW. AS filas para o buffet eram longas e demoradas porque a comida acabava logo e não eram repostas a tempo. Nem o buffet de sobremesa escapou, as pessoas ficavam paradas em volta da mesa, olhando as travessas vazias e aguardando a reposição.

    Não foi a melhor das experiências e saí de lá sem vontade de voltar em um dia normal.

    beijo,

    Curtir


    • Poxa Cris… que tristeza. Acho que o Porto cansou de ‘brincar de Restaurant Week’. Coloquei sua crítica no Twitter (www.twitter.com/brauncafe). Voltei ao AK Delicatessen e estava ótimo, sem erro. Bjs!

      Curtir

  3. Mirela Says:

    Oi Dani!

    Postei algumas dicas no último RW e volto agora para deixar novas dicas e ler algumas também!

    Fui no El Patio, La Rissoteria e Boa Bistro!
    Gostei bastante do três!
    Na Rissoteria ainda fica faltando “aquele” atendimento simpático para os participantes do RW… Mas a comida estava muito boa!
    No El Patio vale a pena pedir o “Fideuá” especialidade da casa! Gostei bastante!
    No Boa Bistro vale a visita pela sobremesa (Sundae do Boa) e pelo ceviche da entrada!

    Bom, tenho reserva no Brasserie do Jacquin e Antiquarius vamos ver!

    Beijo

    Mirela

    Curtir


  4. […] lanchinho e não tente subornar a hostess, que é muito feito e não vai rolar). Este foi o caso do Porto Rubayat, que estreou na última temporada, mas já não entrou nesta. O buffet da casa estava gostoso, mas […]

    Curtir


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: